quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Evento “Resgatando a MPB e o Rock Nacional”

Perfeição? Sabemos que não existe ninguém ou coisa perfeita, porém, por alguns segundos podemos tornar algo perfeito e mudar essa realidade.
Descrever cada detalhe, cada gesto de carinho ganhado no evento Resgatando a MPB e o Rock Nacional” para mim será um grande desafio, mas vamos lá!

O evento o qual visava divulgar a campanha “Acessibilidade por um mundo melhor”, ajudar o mínimo que fosse as crianças carentes de nossa cidade e resgatar a MPB e Rock Nacional, ritmos musicais esquecidos pala sociedade, aconteceu há um mês e foi um sucesso. As pessoas que foram prestigiar compreenderam realmente o verdadeiro significado de amar e ajudar o seu próximo, pois elas deixaram o teatro praticamente lotado.
     Eu? Ah, vocês já devem imaginar, não é? Estava com aquele sorrisão de uma ponta da orelha a outra e ao mesmo tempo nervosa e ansiosa para conhecer a letra da segunda música que o meu “irmão” Weverton compôs para mim.
     Enfim, chegou a hora de conhecê-la e me derreter em lágrimas, feito uma “manteiga” (risos). Foi lindo, emocionante, perfeito para mim! O danado do Weverton planejou tudo: como ele apareceria diante do público, o lugar onde eu ficaria no palco, as palavras que falaria...

    Sabe quando você rir e chora ao mesmo momento? Pois então, eu fiquei assim.
    Ah, a música? Amei tanto que aprendi em dois dias, o nome é “Sonhos” e descreve todo o amor e carinho que o Weverton tem por mim. Letra disponível abaixo:

Te conhecer foi a melhor coisa que me aconteceu.
O teu sorriso, teu jeito de menina me conquistam.
Já sou todo seu!
Tuas brincadeiras, teus conselhos, tua forma de me acariciar,
o teu abraço e tua amizade já me fazem delirar.
As coisas vão, as coisas vêm, e por você me tornei alguém,
o meu passado foi apagado, fica aqui do meu lado!
(Refrão)
Sonhos, bobeiras, maluquices, brincadeiras...
Te fazer sorrir é o que importa pra mim, vamos ser felizes sim!
Com bobeiras, brincadeiras, coisas só pra descontrair.

        Em virtude dessa composição musical, se tornou impossível não deixar as lágrimas caírem, borrando toda a minha maquiagem, mas logo após essa linda homenagem, foi minha vez de retribuir tanto carinho, escrevi um texto de agradecimento aos anjos da minha vida, do qual lido por minha amiga Sabrina, fez algumas pessoas chorarem também (risos), inclusive a minha princesa Clarinha, amiga que sempre está comigo, me fortalecendo a cada dia a continuar e me apoiando em tudo.
        Presentes na minha vida? Com certeza eles são. Portanto, Clarinha, Weverton, que nossas amizades continuem sendo uma das maiores e fortes fortalezas existentes. Eu amo vocês seus lindos!
        Aos patrocinadores e aos poucos que ajudaram na organização do evento, agradeço de coração por tudo.



segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Campanha Acessibilidade por um mundo melhor

Sabe os sonhos? Pois então, parece algo tão impossível de se realizar né? Mas acredite, é apenas uma questão de superação, de crer no seu potencial.
Quem não tem sonhos? Quem um dia não quer realizá-los? Absolutamente ninguém. Porém, alguns acabam desistindo de lutar por eles, porque se cansam de tentar, tentar e não conseguir. A vida é assim, feita de altos e baixos, sabemos que nem sempre vamos vencer, se não der certo na primeira vez, vai dar na segunda, na terceira, mas de hipótese alguma nunca desista de seus almejados alvos.
Sempre fui a menina cheia de sonhos, de planos para o meu futuro, e um deles está se concretizando agora, do qual era criar uma lei, uma campanha visando melhorar a qualidade de vida das pessoas com deficiência no mundo de hoje.

A campanha em si foi uma ideia minha, mas o primeiro a apoiar e a dar iniciativa foi o meu Amigo-irmão Weverton Costa, que convive diariamente comigo e minhas dificuldades. Apesar de ele ter somente 15 anos, é um menino super solidário, que ama ajudar o seu próximo e sabe o quanto é difícil para eu viver em um ambiente que não atende meus direitos como cidadã. Entretanto, no dia 18/06/13, ele declarou aberta em nossa cidade a campanha “Acessibilidade por um mundo melhor”, esse foi um dos presentes mais maravilhosos que eu já ganhei.
Hoje o grupo “Acessibilidade por um mundo melhor” está engajado na organização de um evento solidário, do qual acontecerá dia 11/10/13, no teatro cultural de nossa cidade. A principal finalidade do evento é divulgar a campanha e tentar resgatar uma boa música, por isso tem por título: Resgatando a MPB e o Rock Nacional.
O evento terá algumas surpresas, e uma delas é o lançamento de uma música que o Weverton compôs justamente para fazer a besta aqui chorar e estragar toda a maquiagem. Rs’
Weverton, meu irmão lindo, meu tudo, palavras não são o suficiente para agradecer todo o trabalho que você estar tendo em relação ao evento, em relação a tudo o que você tem feito para me ver feliz nesses quase dois anos que a gente se conhece. Eu te amo muito, muito viu!? Você foi o melhor presente que Deus me deu, espero que nossa Amizade continue se fortalecendo a cada dia.
Todos juntos formamos uma nação, portanto, peço às pessoas que acompanham diariamente o meu Blog, que divulguem e curtam no Facebook a página da Campanha (https://www.facebook.com/acessibilidadeporummundomelhor) e solicitem para participar do grupo também (https://www.facebook.com/groups/172988812876441/). Desde já agradeço a todos. :)                                                                                                                                            Beijos...

terça-feira, 23 de julho de 2013

Ensaio fotográfico

        Fotografia? Eterniza momentos... Ela relembra, encanta e não muda, mesmo quando as pessoas mudam.
    Adoro fotos, por isso sou uma grande apreciadora do trabalho de Nayanna Marques, uma excelente fotógrafa. Quando via os seus maravilhosos books ficava louca de vontade para realizar um ensaio fotográfico com ela, porém, sempre tinham empecilhos que acabavam atrapalhando e nunca dava para fazer essas tão sonhadas fotografias.
       Mas, com o destino não se discute e como tudo na minha vida acontece de uma maneira surpreendente, no dia 08/06/13 durante um evento solidário, tive o prazer e a imensa alegria de conhecer justamente essa magnífica fotógrafa, através de uma querida amiga. Nossa, eu nunca tinha visto uma pessoa tão simpática, meiga, talentosa... Entretanto, ela soube do meu desejo em ser fotografada por ela e não resistiu em me presentear com um belo ensaio fotográfico. Eu? Fiquei tão feliz que quase sai andando...  KKKK.
        Passamos uma tarde super divertida e emocionante no estúdio com a equipe de Nayanna e amigos.
      A maquiagem? Ah, é claro que não poderia faltar! Pois então, ganhei de Carla Guerra, uma make incrível, feita por Glenda Raíssa, a melhor maquiadora da região. Glenda, obrigada pela paciência de Jó e por me deixar tão linda para as fotos!
      A fotógrafa Nayanna é um amor, apaixonada pelo que faz, consegue nos transmitir segurança na hora dos clicks, opina nas caras e bocas e também nos looks.
     Nayanna, te desejo muito mais sucesso, que Deus continue abençoando você, sua família e seu trabalho. Parabéns a toda sua equipe!
       Deixo aqui o meu agradecimento a Carla Guerra, pela make, a Helena, assistente que não deixava nada sair dos conformes, a Renata pela blusa que me presenteou, a minha amiga-irmã Lara que ajudou a trocar meus looks, a Glenda que fez minha belíssima maquiagem, ao meu lindo Alê que me trazia e levava de um lado para outro sem reclamar... haha... e é lógico a minha querida Nayanna pelo book.

           Abaixo confira algumas fotografias do meu ensaio:





 

 


 
 
 








sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Mais uma vitória


                Lembram-se daquela garotinha que se limitava aos seus problemas físicos? Pois então, ela não existe mais! Foi inevitável não tropeçar em pedras por onde andou. Foi difícil não cair. Impossível não cometer erros, mas ainda sim ela aprendeu a se defender dos monstros da vida real.
                A criança de bochecha fofa que se escondia debaixo das saias de sua mãe com medo do que os outros iriam pensar ou falar sobre sua cadeira de rodas, teve garra e perseverança pra ignorar todas caras feias que a olhavam com preconceito e desprezo.
                Nasci diferente. Sou cadeirante, tenho dificuldades na minha coordenação motora, por isso, não consigo escrever em um caderno, entretanto, uso meu notebook para fazer minhas atividades do colégio, que muitos podem ver como grande barreira, mas para mim se tornaram apenas pequenos detalhes, já que, de forma alguma isso não me impediu de concluir meu Ensino Fundamental.
                Comemorei minha formatura em dois grandes momentos: um banho especial e um jantar.
                No primeiro, eu não conseguia me conter de tanta felicidade, baguncei a beça, dei muitas gargalhadas e por fim me emocionei. Nesse dia não podia nem pensar em entrar na piscina, mas quem disse que meus amigos deram importância a isso. Eles não foram piedosos comigo, acabaram me jogando dentro da piscina de roupa e tudo, e eu como uma boa bagunceira, aproveitei. Rsrs... Um de meus amigos, Weverton, amigão do peito, toca violão e me conhece, sabe que sou besta para chorar, começou a cantar: Fronteiras & Barreiras, uma canção que compôs especialmente para mim. Chorei feito uma criança, depois fiquei com uma vontade de matar ele kkk, mas a sua sorte é que eu o amo muito! S2’
                O jantar também foi um momento muito gratificante, as pessoas ali presentes não conseguiram segurar suas emoções quando meu discurso estava sendo lido por minha amiga Clara. Eu me sentia extremamente feliz, realizada, mas ao mesmo tempo me batia uma tristeza imensa ao saber que aquela noite celebrava o fim de uma convivência tão boa, é estranho saber que eu não terei mais diariamente o contato que construí há quatro anos com toda aquela equipe gestora da escola, em saber que não terei mais tanta intimidade com a família que me ensinou a crescer. Mas tenho a consciência que isso foi e é fundamental para meu sucesso. Hoje começo a trilhar uma nova jornada: O Ensino Médio. Sei que não é fácil, mas já pensou se tudo que quisermos caísse de mão-beijada? Você iria se esquecer de lutar, de correr atrás por seus sonhos, enfim, sua vida não teria um pingo de graça.
                Os sorrisos, as oportunidades, os momentos de desabafos, a confiança, o companheirismo foram apenas uma pequena parte da história, um tempo e um sentido vivido só pelo meu saudoso 9˚ ano “A”, que irão ficar eternizado em minha memória para todo o sempre e que deixarão saudades. Tenho mil motivos para desistir, mas não quero, algumas vezes posso até me frustrar, mas não me importo, conheço um ditado que diz o seguinte: Quem está na chuva é para se molhar, e eu realmente vou me molhar. Tentar subir os degraus por mais alto que pareçam ser, querer me ver cada momento me superando, vencendo os meus limites. São coisas que devo e posso fazer. :))
                                                                     




























                                                                                                                                           Beijos seus lindos... ^^